quarta-feira, agosto 12, 2015

Nova bandeira da Nova Zelândia? (parte 2)

Isto tem sido um mês em que não tenho tido tempo para escrever no blog pois todos os minutos em Portugal não tem sido suficientes para fazer tudo o que gostaríamos.

Ainda assim, ao ver um rodapé nos noticiários por cá, resolvi escrever aqui um pouco mais sobre a Nova Zelândia.


Não, a Nova Zelândia não vai mudar de bandeira. Ou pelo menos, para já não vai e eu acho que não vai acontecer de todo. Já falei sobre este assunto no blog. Aqui fica a segunda parte com algumas actualizações sobre a minha opinião.

O que vai acontecer é que vão haver dois referendos para "debater" o assunto.

Num primeiro referendo (ainda neste ano de 2015) a população vai ser "ouvida" para escolher uma bandeira alternativa. Os desenhos candidatos foram enviadas por várias pessoas e serão selecionados por um comité. Este comité vai escolher 4 alternativas. Um lista curta dos desenhos que vão ser considerados fica para este referendo já foi tornada pública e fica aqui:


A minha primeira opinião é que esta lista curta nunca devia ter sido tornada pública. Deviam ter publicado apenas as 4 alternativas. Agora muitos vão ver alternativas melhores aquelas que vão ser ser escolhidas e vão criticar (ainda mais) o processo por isto.

Uma vez que uma alternativa seja escolhida será realizado um segundo referendo (em 2016). 
Desta vez a alternativa vencedora no referendo anterior irá ser votada comparativamente à actual bandeira da Nova Zelândia. Se a alternativa vencer as bandeiras irão ser alteradas, caso contrário a bandeira irá se manter a mesma.

Existem vários argumentos para ambos os lados (podem ser facilmente encontrados online) mas não vou escrever muito sobre o assunto pois tenho uma opinião formada sobre o assunto (e não a escondo): sou a favor da troca (já escrevi um pouco sobre isto no post anterior que já referi).

Como segunda opinião e já que posso votar neste referendo minha escolha (se chegarem às 4 finalistas) será o silver fern ou koru com fundo azul, branco e vermelho e com o cruzeiro do sul.


Embora e minha opinião seja favorável à troca, muito honestamente não me acredito que vá acontecer. A sensação que tenho é que população está não só contra a troca mas também contra o facto de se gastar dinheiro para se realizar o referendo.

Ou seja, não, a Nova Zelândia (para já pelo menos) não vai mudar a bandeira... e a qualidade do jornalismo em Portugal continua fraco fraco...